Portal do Cadastro de Contribuintes     
,

Receita

» Principal
» Secretário
» Hierarquia Organizacional
» Coletorias Estaduais
» Conselho Rec. Fiscais
» Corregedoria Fiscal
» ESAT
» Gerências Regionais
» Postos Fiscais
» Recebedorias de Renda
» Fale Conosco
» Denúncia

Serviços

» Portal Serviços On-line
» AIDF-Informações
» ATF - Acesso
» Cadastro de Usuários
» Cad. de Contribuintes
» Cadastro - EC 87/2015
» Certid. Dados Cadastrais
» Consulta Cadastro PB
» Consulta Selo - Água Mineral
» Cons. Geral Processos
» Consultar/Validar FIC
» Credenciamento NF-e
» Educação Fiscal
» Emissão do DAR
» Emissor Cupom Fiscal
» Emitir Certid.de Débito
» Emitir FIC
» FAC Eletrônica
» GNRE
» IPVA
» ITCD
» Legislação
» Orientação Fiscal
» PED - Proc.Eletr.Dados
» Portal CT-e
» Portal MDF-e
» Portal NF-e
» Portal NFC-e
» Postos de Combustíveis
» Protocolo 21/2011 – CONFAZ
» Regularidade N.F.Avulsa
» ROP
» Simples Nacional
» SPED Fiscal
» Termo de Trânsito
» Validar Certidão Débito

Declarações

» GIA-ST
» GIM
» GIVA
» SINTEGRA

Índices e Tabelas

» Ato COTEPE /MVA
» Ato COTEPE / PMPF
» Cota Parte ICMS
» Distribuição da Arrecadação ICMS
» IGP-DI/IPCA/SELIC
» Índice Partic. Municípios
» Pauta Fiscal Fretes
» Pauta Fiscal Produtos
» Prev.Rec.Municipais
» Produtos Subst.Tribut.
» Tabela de Municípios
» Tabela de Receitas
» UFR-PB

Editais e Informes

» Editais
» Cheque Moradia
» Links
» REFIS/PB
 

RECEITA » EDITAIS E INFORMES » NOTÍCIAS

Quarta-feira, 04 de dezembro 2013



      


Receita Estadual apreende três carretas de açúcar com notas fiscais irregulares

 

A Secretaria de Estado da Receita intensificou a fiscalização no final de ano e apreendeu três carretas de açúcar com nota fiscal irregular no valor de R$ 126.250,00, na BR 230, no Posto Fiscal do município de Junco do Seridó. A mercadoria tinha destino o Estado do Ceará.

Os auditores fiscais, após auditarem notas e a mercadorias transportadas, constataram que as numerações das sacas de açúcar divergiam das notas fiscais e autuaram as cargas, que tinham origem em Santa Rita. Na ocasião, foi lavrado o auto de infração nas três cargas que resultou na cobrança de alíquota cheia de ICMS de 17% sobre o valor das cargas no valor de R$ 21.462,50, além da multa de R$ 10.731,25 pela infração, totalizando R$ 32.193,75 de recolhimento aos cofres públicos.

Segundo o gerente da 4º Núcleo Regional da Receita Estadual, em Patos, Manoel Paulino da Silva Neto, a “operação de Final de Ano” será intensificada neste mês de dezembro nas principais rodovias para evitar sonegação fiscal e promover a concorrência leal no mercado. “Como dezembro cresce o fluxo de cargas, os postos estarão mais vigilantes para evitar transporte de mercadorias com nota inidôneas”, revelou. 

Untitled Document

 

 

Relação de Notícias :

 


Fale conosco :
Jornalista responsável:
JEAN GREGORIO
  • TELEFONE: (83) 3218 4859
  • E-MAIL
  •